Señor Tango, a casa de tango dos turistas em Buenos Aires

Quando se fala em Argentina, não há como não se lembrar de tango. E visitar Buenos Aires é uma excelente oportunidade de assistir a um dos muitos espetáculos sobre a tradicional música portenha. Uma dessas opções é o Señor Tango, uma das casas mais freqüentadas pelos turistas. Adquirimos nossos ingressos para o Señor Tango em um pacote de excursões no cruzeiro que realizamos para Argentina e Uruguai. Pagamos US$ 90 pelo passeio que incluía transporte, entrada para o show e jantar completo (incluindo bebidas). Também é possível comprar seus bilhetes no local, em agentes autorizados ou pela internet. Diante de tantas opções de casas de tango em Buenos Aires, ficamos na dúvida sobre qual optar. O Señor Tango havia sido bem recomendado por meus pais, mas também lemos várias opiniões na internet criticando o local por ser “cafona” e “feito para turistas”. Após conhecer o show, cheguei a conclusão de que todas as opiniões estão corretas. Tudo no Señor Tango é exagerado. O teatro é belíssimo, a apresentação conta com um número enorme de integrantes e é cercada de glamour. O objetivo é encantar o espectador com um espetáculo do ‘estilo Broadway’.

Por outro lado, as duas horas de show são cansativas para quem não é um grande fã de tango. Em certo momento os números parecem repetitivos, a ‘dramaticidade’ de algumas apresentações soam caricatas e o tom glamoroso do espetáculo foge das casas de tango consideradas mais tradicionais. Antes da apresentação é servido o jantar, que agrada pelo cardápio e pelo sabor. Comemos um delicioso bife de chouriço acompanhado por arroz e batatas. A sobremesa contou com panquecas de doce de leite com sorvete.

O Señor Tango mistura um pouco de tudo da cultura argentina. O show começa com a entrada de cavalos no palco (uma espécie de Beto Carreiro portenho), conta com apresentações acrobáticas e vários números de dança. O ponto mais valorizado do espetáculo é a apresentação do famoso cantor de tango (e dono do local) Fernando Soler. Com um jeito meio canastrão, ele interpreta com sua bela voz algumas das famosas canções de Carlos Gardel, Ástor Piazzolla e Alfredo Le Pera.

Conclusão: Depende do gosto Gostamos bastante da visita ao Señor Tango, mas o espetáculo não agrada a todos. O show é glamoroso e muito bem produzido, mistura dança, música e acrobacias e conta com belas interpretações da famosa música argentina, além de um delicioso jantar. Porém, o estilo ‘Broadway’ e os exageros fogem do tradicional e em alguns momentos parecem caricatos.

Para nós valeu bastante a pena, mas para quem estiver em busca de um espetáculo mais “tradicional” uma indicação é o aconchegante Café Tortoni, localizado no centro histórico. E você, já foi ao Señor Tango? Visitou outra casa de tango em Buenos Aires? Comente abaixo e conte sua experiência!

POSTS RECENTES:
PROCURE POR TAGS:

© Copyright 2014 VIAJEI E GOSTEI - Todos os direitos reservados

  • Facebook Limpa
  • Twitter limpa
  • Instagram Limpa
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now